Bakunin

Vídeo: actualidade do pensamento de Mikhail Bakunin (legendas em português)


.

O Grupo Anarquista Albatros, ligado à FAI – Federação Anarquista Ibérica, produziu o documentário em homenagem ao bicentenário de Mikhail Bakunin. Construído de maneira simples e apoiado nas entrevistas de Ana Siguenza e Julian Vadillo, que nos trazem de maneira didática e rigorosa as ideias de um Bakunin libertario e livre pensador, e com uma mesa redonda aberta, formada por Paco Salamanca, Juan Pablo Calero e Javier Anton, o documentário aborda, através de acertadas intervenções dos entrevistados, a atualidade dos conceitos, ideias e pensamentos de Mikhail Bakunin.
As legendas em português foram introduzidas pela Biblioteca Terra Livre.

Relato da Conferência Internacional do Bicentenário de Mikhail Bakunin realizada na sua vila natal


3

Casa da família Bakunin, em péssimo estado de conservação

Nos dias 12 e 13 de julho de 2014, aconteceu em Premukhino, na Rússia, a Conferência Internacional do Bicentenário de Mikhail Bakunin. Essa pequena vila é onde viveu a aristocrata família Bakunin e local de nascimento de Mikhail. Esse é o relato de dois brasileiros que estavam por lá…

(more…)

(Brasil) Prazo para entrega de trabalhos para o Colóquio Internacional ‘Mikhail Bakunin e a AIT’ vai até 25 de Agosto


bb

A Comissão Organizadora do Colóquio Internacional Mikhail Bakunin e a AIT anuncia a prorrogação do prazo para envio de trabalhos. O limite agora se estende até o dia 25 de agosto. Para saber quais são os requisitos para o envio de trabalho, veja no seguinte link:http://wp.me/P4ujHR-Y.

Polícia brasileira “suspeita” de Bakunin como um dos organizadores dos protestos no Rio de Janeiro…


14208305

A professora universitária e anarquista brasileira Camila Jourdan, de 34 anos, esteve presa durante 13 dias numa cela na prisão de Bangu, na zona oeste do Rio de Janeiro. É uma das protagonistas do inquérito, com  mais de 2.000 páginas, em que a Policia Civil do Rio classifica de “quadrilha armada” 23 pessoas que responsabiliza pela organização de acções violentas no decorrer de protestos de rua.

“Do pouco que li, posso dizer que esse processo é uma obra de literatura fantástica”, disse Camila ao jornal brasileiro A Folha de São Paulo, já depois de ter saído em liberdade provisória.

Camila dá como exemplo o facto do nome de Mikhail Bakunin constar dos autos. Em mensagens interceptadas pela polícia, um dos manifestantes terá citado o nome deste anarquista, morto há quase 150 anos, que assim passou a figurar nos autos como um potencial suspeito.

De acordo com o inquérito, os agentes encontraram uma garrafa de gasolina, uma bomba de fabrico caseiro e outra conhecida como “cabeção de nego”. Em diálogos escutados pela polícia, Camila ter-se-á referido a “livros” e “canetas” que, segundo os investigadores, seriam respectivamente cocktails molotov e morteiros. O seu advogado já disse que estas “provas” foram colocadas no seu apartamento pela policia quando foi presa por volta das 6 horas da manhã do dia 12 de Julho, véspera do final da Copa.

camila1

“Existe uma necessidade de fabricar líderes para essas manifestações E quem encaixa muito bem no papel da mentora intelectual? A professora universitária. Cai como uma luvam entendeu?”, afirma Camila nesta entrevista ao jornal A Folha.

Definindo-se como anarquista desde muito jovem, Camila Jourdan analisa a possibilidade de perder o processo e ser condenada. “Tenho receio do que pode acontecer porque sei que não vivemos numa sociedade justa. Não acredito neste Estado como um Estado democrático. Se acontecer (a condenação), ao menos, não me vou decepcionar neste sentido”, diz.

rio333346

Libertação de alguns activistas que estavam presos. Os processos decorrem agora em liberdade provisória.

aqui

Brasil: está a terminar o prazo para envio de comunicações ao “Colóquio Internacional Mikhail Bakunin e a AIT”


bakun

Termina já no próximo dia 4 de Agosto o prazo para a apresentação de trabalhos ao “Colóquio Internacional Mikhail Bakunin e a AIT”, organizado pela Biblioteca Terra Livre, e que irá ter lugar em SÃO PAULO (Brasil), de 10 A 13 DE NOVEMBRO DE 2014

A intenção do Colóquio é incentivar a pesquisa e a produção sobre o pensamento e a prática militante de Mikhail Bakunin, assim como a relevância da experiência da Associação Internacional dos Trabalhadores e promover um espaço de reflexão e debate entre pesquisadores (com vínculos acadêmicos ou não), profissionais, militantes e demais interessados no tema.

(more…)

200 anos do nascimento de M. Bakunin assinalados em Évora


debate

Conforme anunciado realizou-se ao fim da tarde desta sexta-feira na Livraria Fonte de Letras, em Évora, um animado debate sobre o pensamento de Mikhail Bakunin, para assinalar os 200 anos do nascimento do revolucionário russo, cujas ideias tanto marcaram o movimento libertário mundial. Com uma dezena e meia de assistentes, o debate foi introduzido por António Baião, investigador da FCSH da Universidade Nova de Lisboa (na foto, à direita, ao lado de António Cândido Franco), que falou de ““Mikhail Bakunin: Liberdade, Natureza e Revolução”. Seguiu-se um debate sobre a natureza do Estado e o conceito de liberdade bakuninista, tendo esta primeira Conferência Libertária de Évora terminado por volta das 20,30h. Para Julho já está anunciada uma segunda Conferência Libertária, em local e dia a designar, sobre a figura do anarquista alentejano Gonçalves Correia. A sessão de hoje foi gravada e contamos disponibilizar alguns excertos aqui no Portal Anarquista dentro de alguns dias.