Dia: Julho 1, 2013

“Terra Nova”: um jornal anarquista clandestino contra a ditadura castrista


tierranuevaCuba2013

O  jornal “Terra Nova” acaba de publicar clandestinamente os seus dois primeiros números em Cuba. Existe desde há muito uma tradição libertária no Caríbe, através da qual as ideias ácratas impregnaram o povo cubano, sendo uma expressão revolucionária que nasceu muito cedo, nas primeiras lutas contra a escravidão e pela independência no século XIX. O movimento libertário tem mais de cem anos em Cuba, mas foi excluído da história oficial por historiadores e editores a soldo do Partido Comunista de Cuba. Em 1960, várias organizações anarquistas, que lutaram na clandestinidade ou na guerrilha junto a Fidel Castro, foram proibidas. Durante esses anos, muitos libertários foram assassinados, presos ou forçados ao exílio. Hoje, seja através de blogues na internet, seja ao nível do sindicalismo e da acção clandestina o anarquismo renasce na ilha onde o comunismo estatista cada vez está mais moribundo. A saída do “Terra Nova” é exemplo desta força renovada do anarquismo em Cuba.

aqui: http://periodicoellibertario.blogspot.pt/2013/06/prensa-renace-dentro-de-cuba-tras-52.html