(5, 6 e 7 de setembro) Acampamento libertário em Santa Cruz do Bispo/Matosinhos


setem CAMPO LIBERTÁRIO

PROGRAMA PROPOSTO

Sexta-feira  – 5 de Setembro 

10:00 h.  Abertura do Campo -1ª apresentação – Assembleia de Participantes: informação sobre objetivos (aspectos ideológicos e de inter-acção grupal), orgânica do Campo( Autogestão, auto-organização e auto-responsabilidade, Serviços e Grupos de Trabalho e seu funcionamento, cuidados a ter com o local );

12:00 h. Almoço / pique-nique coletivo

14:30 h. Visita ao local do acampamento juvenil de 1970 e do atual projeto “RafparK”,  observação do novo nó rodoviário da VRI com a A41

16:00 h.  Debate sobre o projeto “Rafpark” e seus principais efeitos anti-ecológicos  e anti-populares

18:00 h. Assembleia de Participantes ( melhorias no funcionamento do campo, atividades a desenvolver, etc…)

20:30 h. Jantar

21:30 h. “Fogo do Conselho” , canções de intervenção de outros tempos e atuais, poesia libertária

Sábado – 6 de  Setembro

10:00 h. Trilha de descoberta da zona envolvente – Rio Leça, Linha do ramal ferroviário de Leixões, Ponte do Carro, S.ta Cruz do Bispo (+ ou – 5 Km.s)

12:30 h .Almoço/ piquenique coletivo

14:30 h. Sessão de informação e debate : “ Papel desempenhado pelo acampamento juvenil do Mojaf em 1970 neste local ” – com depoimentos de alguns dos participantes de então. Enquadramento comparado com a realidades social e cultural da atualidade

16:30 h. Início da “Mostra de literatura libertária”

18.30 h. Atividades de ar livre:  Rappel e Archeirismo

20:00 h. Jantar

21:30 h. ” Fogo de Conselho”/ Assembleia de participantes (decisões sobre atividades conjuntas a desenvolver, correções no funcionamento do campo, etc.)

 Domingo – 7 de Setembro

10:00 h. Pequena trilha pedestre de descoberta das margens do Leça (+-3 Km.s) ,”cosmética ”ambiental e ameaças reais…

12:30 h. Almoço / pique-nique colectivo

14:30 h. Sessão de Informação e debate : “Actualidade das ideias e práticas anarquistas e anarco-sindicalistas´: anarquismo, anarco-sindicalismo e organização popular”

16.30 h. Continuação da Mostra de literatura libertária

18:30 h. Assembleia final : –  COMO INTERVIRMOS PELA DEFESA DA TERRA E DAS POPULAÇÕES LOCAIS (caso RAFPARK, caso RIO LEÇA, caso NÓ RODOVIÁRIO DA VRI, etc…)? QUE NOS TRAZ O “REPRESENTATIVISMO” na resolução dos problemas? Que outras vias temos?…

20:00 h. Pique-nique comunitário final e despedidas (início de desmontagens do campo)

NOTA IMPORTANTE:

 Em tudo aquilo que não tenha a ver com os objetivos da organização deste campo, as Assembleias de Participantes diárias, funcionando em democracia direta, deverão tomar decisões, de forma a garantir o melhor funcionamento possível do campo e os seus resultados multiplicatórios após o seu termo.

Publicado por SOV PORTO

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s