(Filme) Cem anos de CNT: uma viagem à utopia daqueles que levam um mundo novo nos seus corações


 .
Uma viagem à utopia daqueles que levam um mundo novo nos seus corações
 .
Esta manhã está a ser apresentado aos meios de comunicação social de Madrid “Memória Viva”, um documentário que traça os 100 anos da trajectória da central anarcosindicalista  CNT através do testemunho dos seus filiados mais antigos. Esta apresentação conta com a presença do realizador do filme, Antonio J. Garcia de Quirós, e um dos protagonistas, Juan Mariné Bruguera (Fundador da Academia de Cinema, Medalha de Ouro de Mérito das Belas Artes em 1990 e Prémio Nacional de Cinematografia em 1994). Este cineasta veterano de 93 anos de idade participou na colectivização da indústria do espectáculo, levada a cabo durante a Revolução Espanhola pela CNT-AIT, em 1936.
A apresentação conta também com a presença do realizador de cinema Pablo Nacarino, autor, em conjunto com Antonio Artero, do documentário “Fúria Libertária” e vogal de Audiovisuais na Fundação Anselmo Lorenzo. Na sessão vai ser apresentado o trailer do documentário (publicado mais acima) e alguns fragmentos significativos do mesmo.
Segundo a nota de imprensa será também explicado o processo seguido para a realização do projecto que durou mais de quatro anos. Serão dadas também informações sobre a campanha de crowdfunding que se está a levar a cabo para a difusão e distribuição (também internacional) da película através do portal goteo.org.
O filme participará já no próximo dia 21 deste mês na Semana Internacional de Cinema de Valladolid.
 .
Memória Viva: o projecto
O projecto Memória Viva nasceu em 2009 com a gravação da homenagem realizada em Paris aos exilados espanhóis e às vítimas do campo de extermínio nazi de Mauthausen, por ocasião do 70º aniversário do fim da Guerra Civil Espanhola. O objectivo a partir de então centrou-se na recolha do maior número possível de tetemunhos ligados ao movimento operário da CNT, recuperando vozes que, no caso contrário, se teriam perdido.
Depois de cinco anos de trabalho o projecto conta com mais de 80 testemunhos e 300 horas de gravação fruto de diferentes itinerários pela Península Ibérica, França, Inglaterra e de que este documentário é uma pequena parte.
Segundo o realizador Antonio J. Garcia de Quirós “Memória Viva mostra uma trajectória de 100 anos de luta, esperanças e dissabores de várias gerações de espanhóis que chegaram ao século XXI com mais perguntas que respostas: está tudo perdido? E, se não, o que é preciso fazer?
 .
Mais informação video  aqui.
 .
Mais infos: guerrillart.net – memoriaviva.net – cnt.es
.
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s