Internacionalistas de Rojava denunciam os bombardeamentos da NATO contra o território sírio


siria

A partir da Comuna Internacionalista de Rojava, na Federação Democrática do Norte da Síria, denunciamos os bombardeamentos das forças da NATO contra o território sírio esta madrugada. Estes ataques imperialistas liderados pelos EUA, com a colaboração da França e do Reino Unido, são um novo exemplo da brutalidade e da sede imperialista das forças da NATO no Médio Oriente.

As potências globais exibem a sua indústria militar, testando as suas armas sem terem em conta os efeitos das suas acções sobre a população civil. O lançamento de mísseis de alta tecnologia sob o pretexto de um ataque químico que não foi provado utiliza a instabilidade que se vive na Síria, tornando-a o campo de testes para as novas armas que estão a aparecer. O aumento do valor de mercado das empresas construtoras de mísseis, que viram crescer o seu capital em mais de 5 mil milhões de dólares numa questão de horas, revela aquilo que a guerra significa para o capitalismo: o lucro.

As grandes corporações internacionais e os media manipulam informações para controlar a opinião pública, gerando as condições necessárias para justificar este tipo de acções. A brutalidade e o uso de armas químicas em Afrin, tais como o cloro gasoso usado pelos bandos jihadistas que lutavam ao lado do exército turco, não provocaram qualquer resposta da comunidade internacional, enquanto a preparação para os ataques realizados hoje contra Homs e Damasco começou várias semanas antes das notícias sobre o suposto ataque químico.

As agendas dos poderes hegemónicos do sistema capitalista usarão todos os meios que tiverem para alcançarem os objectivos de dominação que perseguem. O nosso compromisso com a revolução democrática da Federação Democrática do Norte da Síria não valiça quando se trata de denunciar qualquer tipo de opressão e a injustiça de onde quer que venha. Como internacionalistas é nosso dever defender os valores revolucionários que nos trouxeram até aqui, independentemente do custo, e não podemos permitir que estas brutais agressões se escondam atrás das mentiras do poder.

Comuna Internacionalista de Rojava

14-04-2018

aqui: http://internationalistcommune.com/against-nato-imperialist-attacks/

Anúncios

One comment

  1. Republicou isto em mosaicomourisco and commented:
    A Comuna Internacionalista de Rojava, na Federação Democrática do Norte da Síria denuncia: “As grandes corporações internacionais e os media manipulam informações para controlar a opinião pública, gerando as condições necessárias para justificar este tipo de acções. A brutalidade e o uso de armas químicas em Afrin, tais como o cloro gasoso usado pelos bandos jihadistas que lutavam ao lado do exército turco, não provocaram qualquer resposta da comunidade internacional, enquanto a preparação para os ataques realizados hoje contra Homs e Damasco começou várias semanas antes das notícias sobre o suposto ataque químico”.
    E Mosaico Mourisco Republica, via Portal Anarquista de Évora.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s